13 DE MAIO, DIA DE NOSSA SENHORA DE FÁTIMA

No dia 13 de maio de 1917, três crianças de Aljustrel, Lúcia, Francisco e Jacinta guardavam os seus rebanhos na Cova da Iria, em Fátima. Nesse dia, pela hora do meio-dia, enquanto rezavam o terço, Nossa Senhora apareceu-lhes em cima de uma pequena azinheira. Nos meses seguintes, até outubro, inclusive, a Senhora voltaria a aparecer aos três pastorinhos, também no dia 13, exceto no mês de agosto, que foi a 19.

Os 3 pastorinhos de Fátima. Da esquerda para a direita: Lúcia de Jesus, Francisco Marto e Jacinta Marto

 

A 13 de outubro, estando presentes na Cova da Iria cerca de 70 mil pessoas, Nossa Senhora apareceu novamente e pediu que fizessem ali naquele local uma capela em sua honra, a atual Capelinha das Aparições do Santuário de Fátima. Desde então, por receber milhões de peregrinos anualmente, é-lhe dado o nome de “O Altar do Mundo”, tratando-se de um dos maiores santuários marianos do mundo.

Santuário de Fátima
Visita do Papa Francisco a Portugal aquando do centenário das aparições em Fátima, 2017

 

Hoje, dia de Nossa Senhora de Fátima, são muitos os fiéis que depositam as suas orações à Senhora do Manto Branco, quer estejam eles em Portugal, quer estejam nas comunidades portuguesas, onde a devoção não fica esquecida pelos emigrantes e seus descendentes.

Visita da imagem peregrina de Nossa Senhora de Fátima a São Miguel, Campo de São Francisco, 1948
Visita da imagem peregrina de Nossa Senhora de Fátima a São Miguel, porto de Ponta Delgada, 1948

 

Publicado a 13 Maio, 2021