SÃO MIGUEL, A ILHA DEVOTA DO SENHOR SANTO CRISTO DOS MILAGRES

Na ilha de São Miguel são muitas as festas e manifestações de fé que traduzem a devoção de um povo religioso e muito católico que são as pessoas de São Miguel, cujas tradições se mantêm ao longo do anos, passando de geração em geração e que contribuem para o fortalecimento da sua cultura e identidade.

Procissão do Senhor Santo Cristo dos Milagres
Festa do Senhor da Pedra, Vila Franca do Campo, 1976

Assim, em São Miguel, as festividades que têm grande relevância são sobretudo as de cariz religioso como as Festas do Senhor Santo Cristo dos Milagres, que todos os anos atrai milhares de pessoas à cidade de Ponta Delgada para venerar a belíssima imagem do Senhor Santo Cristo através de uma enorme procissão que se realiza no quinto domingo a seguir à Páscoa, sendo uma das maiores manifestações de fé de toda a Europa. As festas do Divino Espirito Santo, tal como nas restantes ilhas açorianas também são um grande exemplo que retrata a fé deste povo. Por toda a ilha há várias celebrações em honra do Espirito Santo com as «Domingas» e os Impérios que se compõem com as coroações, entregas de pensões, as célebres sopas e grandes jantares. No verão, são as procissões das freguesias que mantêm o ritmo das festas religiosas, as quais se realizem em devoção ao oráculo das respetivas freguesias por toda a ilha, onde os caminhos enfeitados pelos tapetes de flores e verduras têm um grande aparato e são elemento característico desta ilha.

Senhor Santo Cristo dos Milagres
Promessas ao Senhor Santo Cristo, Campo de São Francisco, anos 60
Procissão do Senhor Santo Cristo dos Milagres, anos 70
Tapete de flores para a passagem da Procissão do Senhor Santo Cristo
Quarto do Espírito Santo, Ponta Delgada
Carro de bois no cortejo etnográfico durante as Festas do Espírito Santo, Ponta Delgada.
Grupo de Foliões nas festas do Espírito Santo, em Ponta Delgada, 1980
Espírito Santo na freguesia das Capelas, anos 40
Bênção da massa do Espírito Santo
Coroação do divino Espírito Santo, na Povoação, anos 60
Foguetes nas festas do Espírito Santo, freguesia da Candelária, anos 80
Tapete de flores para a passagem da procissão, Furnas, 1935
Procissão de Nossa Senhora das Neves, freguesia da Relva, anos 40
Procissão de Nossa Senhora dos Anjos, Água de Pau, 1958

 

Ainda sobre as manifestações religiosas, a ilha de São Miguel destaca-se das demais por ter iniciado uma importante tradição que acabou por se expandir a outras ilhas do Açores assim como para a Diáspora, que foram precisamente as romarias quaresmais. Essas romarias são constituídas por grupos de homens que, em oração, percorrem a ilha a pé no tempo da Quaresma, visitando as igrejas e ermidas de invocação a Maria, Mãe de Jesus. Esta é uma tradição que se mantém há mais de 500 anos.

Romeiros da ilha de São Miguel
Cerimónia de lava-pés aos romeiros de Rabo de Peixe, 1988
Rancho de Romeiros das Capelas, 1960
Rancho de Romeiros, na Matriz de Ponta Delgada, 1930

 

Relativamente a outras festividades que são grandes tradições na ilha, temos as Cavalhadas de São Pedro, na Ribeira Grande, que se realizam no dia de devoção a este Santo (29 de junho). As marchas em honra aos Santos Populares também são festas que caracterizam este povo de São Miguel, destacando-se as marchas de São João da Vila, em Vila Franca do Campo, as quais são motivo de grande festejo por parte dos seus residentes e que atraem pessoas de toda a ilha.

Cavalhadas de São Pedro, Ribeira Grande
Cavalhadas de São Pedro, 1964
Marchas de São João da Vila, Vila Franca do Campo

 

O Carnaval é uma outra festa muito querida pelos micaelenses, marcado pela Batalha das Limas, em Ponta Delgada e pelos bailes de Carnaval no Coliseu Micaelense que já fazem parte da cultura deste povo há muito tempo.

Batalha das Limas, Ponta Delgada
Batalha das Limas, Ponta Delgada, 1973
Carnaval, Vila Franca do Campo, anos 70
Bailes de Carnaval no Coliseu Micaelense, Ponta Delgada
Bailes de Carnaval no Coliseu Micaelense, século XX

 

Barbearia, na Maia, anos 60
Areal de Santa Bárbara, Ribeira Grande, anos 80
Excursão de amigos pela ilha de São Miguel, 1954
Desembarque, freguesia da Ribeira Quente
Construção do túnel da Ribeira Quente, 1939
Casamento na Igreja de São Pedro, Ponta Delgada, anos 40
Carro de bois, na Ajuda da Bretanha, 1950
Calhau do Estradinho, Ponta Delgada, 1950
Cafuas de milho, 1919
Bodo de leite, nos Arrifes, 1965
Lavrador no seu cavalo, Vila Franca do Campo, anos 60
Lavrador durante a ordenha, Ribeira Grande, 1999
Lavrador, Furnas, 1950
Lavadeiras na Lagoa das Sete Cidades, anos 70
Mercado da Graça, Ponta Delgada, anos 80
Matança do porco, na Maia, 1964
Matança de Porco, no Porto Formoso, 1967
Viúva de Capote e Capelo, 1918
Vendedor de gelados, em Ponta Delgada, anos 60
Venda de barrinhos, em Ponta Delgada, anos 90
Tubarão, no Porto dos Carneiros, Lagoa, 1971
Sete Cidades, 1935

 

Nota: Fotos retiradas da página do Facebook «História dos Açores».

Publicado a 22 Janeiro, 2021