SÃO MIGUEL, A ILHA QUE AGRADA A TODOS COM OS SEUS SABORES

São Miguel, a ilha que agrada a todos com os seus sabores, assemelha-se a todas as outras ilhas dos Açores no que toca à gastronomia, caracterizando-se pela sua autenticidade e riqueza dos seus sabores, muito apreciados pelas suas gentes e também por todos aqueles que visitam o arquipélago.

Nesta ilha, os pratos mais apreciados são aqueles em que a carne açoriana e o peixe fresco não podem faltar, destacamos então o Bife à Regional, que é a prova da boa qualidade da carne bovina dos Açores; o famoso Cozido das Furnas que é a imagem de marca da gastronomia micaelense, devido à sua confeção invulgar. Este cozido contém os mesmos ingredientes que um cozido de carnes normal: carne de vaca, carne de porco, carne de frango, chouriço, morcela, repolho, cenoura, inhame, batata-doce e batata normal. Todos estes ingredientes são cozinhados juntos numa panela que é enterrada no solo geotérmico, durante cerca de 5 horas, o qual só se encontra na freguesia das Furnas e na Ribeira Grande, sendo o cozido das Furnas o mais afamado, graças ao seu sabor único devido ao calor da terra. Destacam-se ainda, as famosas sopas do Espírito Santo que marcam presença nas mesas de todas as ilhas dos Açores, assim como a Sopa de Peixe.

Bife à Regional
Cozido das Furnas
Momento da retirada da panela do cozido da fumarola
Fumarolas, junto à Lagoa das Furnas, onde são colocados os cozidos

Quanto aos pratos de peixe e de marisco, não podemos deixar de referir as lapas grelhadas que são elemento indispensável nas tão conhecidas tasquinhas das festas que há por toda a ilha, sobretudo no verão.

Lapas grelhadas

 

As morcelas com ananás, o ananás produzido em São Miguel, e os tremoços temperados com Pimenta da Terra, aquela que permite dar um singular paladar às diversas comidas desta ilha, são petiscos que vêm enriquecer a gastronomia micaelense e que melhor ficam se acompanhados com uma boa cerveja regional.

 

Morcela com ananás
Tremoços acompanhados com cerveja regional

 

No que diz respeito à doçaria, São Miguel distingue-se pelas suas Queijadas da Vila Franca do Campo; pelas Fofas da Povoação, um doce conventual recheado com um delicioso creme; pelos Bolos Lêvedos das Furnas, que podem muito bem substituir um pão para fazer uma sandes; as Malassadas que são muito apetecíveis no Carnaval e também nas festas de Verão; o Arroz Doce; os Bolos de Massa e Folares que, cozidos a forno de lenha, são o elemento fundamental que não podem faltar nas festas do Divino Espírito Santo, acompanhados com copo de Laranjada ou de vinho.

Queijadas da Vila
Bolos lêvedos
Bolos de massa e arroz doce ao centro
Fofas da Povoação
Malassadas

 

Finalmente, não podemos esquecer do chá que através das fábricas da Gorreana e do Porto Formoso, na costa norte da ilha, é possível manter-se o seu cultivo, bem como a sua exportação para o estrangeiro.

 

Chá produzido em São Miguel
Plantação de Chá na ilha de São Miguel

 

 

Publicado a 21 Janeiro, 2021