Carnaval da ilha Terceira deve integrar Património Cultural Imaterial em breve

As danças e bailinhos de Carnaval da ilha Terceira deverão ser integradas no inventário do Património Cultural Imaterial de Portugal, em breve, segundo avançou à Lusa a direção regional da Cultura dos Açores.

“Esse processo já está mesmo na sua versão final para ser reconhecido e ter autorização para integrar este inventário nacional. A única questão que está pendente são os pareceres das duas câmaras municipais da ilha Terceira”, adiantou a diretora regional da Cultura, Susana Goulart Costa.

A Câmara Municipal de Angra do Heroísmo já deu um parecer positivo à integração das manifestações de teatro popular no Património Cultural Imaterial de Portugal.

00E83F36-5C3B-4ED1-ACB8-CB6A5FC9A0A5

 

Segundo o vereador Guido Teles, a aprovação deste pedido será “imprescindível” para uma eventual candidatura à Lista Representativa do Património Cultural Imaterial da Humanidade da UNESCO (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura).

 

“As danças, bailinhos e comédias de Carnaval são, sem dúvida, um testemunho vivo da diversidade cultural portuguesa, que resultou dos muitos contactos e intercâmbios que foram feitos com povos de todo o mundo” frisou.

Fonte: Diário de notícias, 2 de março de 2019

Publicado a 4 Março, 2019